Imprensa

Aviação agrícola em pauta em câmara temática na Assembleia Legislativa do MT

/ /

A aviação agrícola foi o tema quarta-feira (11) da reunião da Câmara Setorial Temática (CST) de Engenharia e Agronomia na Assembleia Legislativa do Mato Grosso, em Cuiabá. O diretor-executivo do Sindag, Gabriel Colle, participou do encontro, apresentando cenários do setor no País e números da frota aeroagrícola no Estado. Colle também falou sobre a história da aviação agrícola brasileira, tecnologias, regulação e os programas de boas práticas e aproximação com a sociedade mantido pelo Sindag e instituições parceiras.

“Abordamos também os desafios e perspectiva do setor”, explica o diretor, que considerou o encontro um passo importante para a qualificação da aviação agrícola no Estado. O principal ganho, segundo Colle, deverá ser na aproximação com os operadores privados (produtores ou cooperativa que possuem suas próprias aeronaves), que operam a maior parte da frota mato-grossense, que tem 494 aeronaves (é a maior no ranking por Estados).

Colle (ao fundo) apresentou ao grupo dados sobre a frota no Estado, cenários do setor no País e as ações do Sindag e parceiras

PARCERIA

Conforme o presidente da CST, Marcelo Cesar Capelotto França, “a reunião foi excelente”. O dirigente destacou que o grupo já tinha ideia do tamanho do setor aeroagrícola no Estado, mas, até então, não com seus números exatos. “Chamou a atenção a quantidade de aeronaves dos operadores privados, que deverão ser o foco de um trabalho amplo de aproximação, em conjunto com o Sindag”, destaca França, sobre o planejamento que começou a ser desenhado para 2020.

Representante do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea/MT) na CST, França explica que a entidade já possui parceria com entidades como o Instituto de Defesa Agropecuária do Estado (Indea), Ministério da Agricultura, Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) e outras. “O Sindag veio para somar e será um parceiro importante”, conclui.

Clique AQUI para ver a notícia sobre o tema no site do Crea/MT

Câmara Setorial alinhavou ações em parceria com o sindicato aeroagrícola para 2020