Imprensa

Dia de campo para esclarecer e capacitar

/ /

Operadores aeroagrícolas, representantes da indústria química, autoridades, políticos e imprensa foram o público do dia de campo de aviação agrícola promovido na última sexta-feira, em Americana/SP. A movimentação ocorreu pela manhã, no aeroporto da cidade e foi promovida pelo Sindag, com apoio da Syngenta e do Sindiveg. Um dos pontos principais da programação foi a palestra do professor Wellington Carvalho, da Universidade Federal de Lavras (UFLa) e um dos coordenadores do programa Certificação Aeroagrícola Sustentável (CAS).

Ele falou sobre segurança da aviação agrícola e os mitos e fatos sobre o setor, apresentando informações sobre a tecnologia do setor, falando sobre sua qualificação e regulação. Wellington também abordou as boas práticas, como controle de gotas, cuidado com as condições atmosféricas e outros aspectos que garantem a precisão nas aplicações.

O professor também demonstrou os equipamentos no próprio avião e coordenou uma demonstração de pulverização, onde os presentes puderam comprovar a precisão pelo uso de papeis hidrossensíveis colocados transversalmente na linha de tiro do avião. O grupo teve ainda uma demonstração de combate a incêndio com aeronave e depois houve ainda uma rodada de perguntas para esclarecer dúvidas entre os participantes.

DIÁLOGO

O diretor do Sindag Thiago Magalhães da Silva falou pela entidade, reforçando a importância do setor aeroagrícola e ressaltando o quanto a tentativa de sua proibição foge ao nexo da própria segurança ambiental. Thiago também destacou a preocupação do sindicato aeroagrícola com a transparência e a aproximação com a sociedade, para tornar racional o debate em torno da segurança no uso de defensivos.

O tom da fala do diretor também resumiu o motivo do encontro em Americana, tendo em vista a proposta de proibição que tramita na Câmara de Vereadores local e que havia sido motivo de uma audiência na semana anterior, no Legislativo local. Além de vereadores do município, o dia de campo teve a presença também de representantes da Assembleia Legislativa (deputado Roberto Morais/PPS, da Coordenadoria de Defesa Agropecuária do Estado (CDA) e da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral paulista (CATI).

O próprio Sindag aproveitou o evento para reforçar sua posição de apoio aos órgãos de fiscalização. Tanto que se ofereceu para treinar os próprios fiscais dos órgãos estaduais que atuam nas áreas rurais.

Clique AQUI, para conferir a repercussão do encontro na reportagem do jornal O Liberal, de Americana

Fotos: Syngenta