Imprensa

Esgotada a reserva de espaços para a mostra de tecnologias do Congresso Sindag

/ /

Esperado como o maior evento da aviação agrícola já realizado no Brasil, o Congresso Sindag Mercosul e Latino-Americano esgotou nesta segunda-feira a disponibilidade de estandes em sua mostra comercial e de tecnologias. Os 70 expositores que reservaram seus espaços representam um crescimento de quase 35% na feira, em relação à edição do ano passado, ocorrida em Botucatu/SP. O Congresso Sindag deste ano será em Canela, na Serra Gaúcha, nos dias 8, 9 e 10 de agosto.

O evento é o segundo maior encontro aeroagrícola do mundo e ocorrerá sob uma estrutura metálica de 3,6 mil metros quadrados que está sendo montada no Aeroporto Municipal (fotos). A feira –também com demonstrações aéreas – é na verdade é a atração secundária na programação, que terá palestras e discussões com empresários, pilotos, especialistas, pesquisadores e autoridades, de toda a América Latina e Estados Unidos.

O foco das discussões neste ano será na globalização, novas tecnologias e comunicação com a sociedade. A edição 2017 também marca as comemorações dos 70 anos da aviação agrícola brasileira e terá ainda uma rodada de discussões entre entidades do continente, em um painel apresentado por Brasil, Argentina, Uruguai e Estados Unidos.

Clique AQUI para saber mais sobre o evento

O País tem a segunda maior e uma das melhores frotas aeroagrícolas do planeta, com pouco mais de 2 mil aeronaves, segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A aviação agrícola brasileira nasceu em 19 de agosto de 1947, em uma operação de combate a gafanhotos em Pelotas, no Rio Grande do Sul. Hoje, o setor é responsável pelo trato de lavouras estratégicas para o País, como a soja, milho, algodão, arroz e cana-de-açúcar. Os aviões agrícolas são usados também no plantio de pastagens, aplicação de fertilizantes, combate a incêndios florestais, trato de florestas, povoamento de lagos e rios e, em outros países (há mais de 50 anos), no combate a mosquitos e outros vetores.