Imprensa

Evento do arroz teve encontro de empresários aeroagrícolas

/ /

    Segurança de pilotos agrícola, qualidade nas operações e a responsabilidade solidária de produtores que contratam empresas não idôneas, em caso de acidente, foram alguns dos temas discutidos nessa quinta-feira (22) em mais uma edição do projeto Sindag na Estrada, do Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola. Dessa vez o encontro ocorreu no estande do Sindag dentro da 28ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, em Cachoeirinha/RS.

     Os empresários aeroagrícolas e técnicos do setor discutiram também a proposta de elaboração de um estudo aprofundado sobre os custos para os operadores em cada tipo de lavoura e conforme os modelos de aviões ou helicópteros utilizados. Outros temas da pauta foram as relações com entidades governamentais, os preparativos para o 2º Seminário de Aviação Agrícola, que vai ocorrer em maio, em Porto alegre, e o Congresso a Aviação Agrícola do Brasil, em agosto, em Maringá.

     Essa foi a 11ª edição do Sindag na Estrada, que desde o ano passado teve rodadas também em São Paulo, Paraná, Mato Grosso e Goiás. O objetivo da iniciativa é levar qualificação aos operadores e otimizar a comunicação do setor com a sociedade, incentivando ações proativas regionais. Isso além de promover a integração entre os operadores e profissionais aeroagrícolas e aproximá-los do Sindag.