Imprensa

Importância e segurança do setor aeroagrícola é apresentada em encontro com o MP/SP

/ /

   A importância da aviação agrícola para a agricultura e a economia brasileira e as ferramentas e tecnologias do setor que garantem eficiência e segurança operacional e ambiental, além da regulação e dos programas de boas práticas promovidos pelo Sindag e entidades parceiras. Esses foram os temas apresentados nessa terça-feira (28), na reunião promovida em Piracicaba/SP, pelo Ministério Público do Estado (MP/SP). O encontro ocorreu na sede local da entidade e o Sindag foi representado pelo diretor Thiago Magalhães e pelo diretor-executivo, Gabriel Colle.

   O encontro teve a presença e apresentações também da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg) e Fundecitrus. Estavam presentes ainda representantes do Ministério da Agricultura, Coordenadoria de Defesa Agropecuária do Estado (CDA) e outras entidades da produção, autoridades e pesquisadores.

   No caso do Sindag, a apresentação foi feita por Colle, que ressaltou a parceria do sindicato aeroagrícola com o projeto Colmeia Viva, do Sindiveg, e o apoio ao programa Certificação Aeroagrícola Sustentável (CAS), que em São Paulo tem uma adesão de praticamente 100% das empresas do setor – inclusive por ter se tornado um pré-requisito para contratação de serviços por parte de usinas de cana e outros setores do agro.

   O encontro foi iniciativa do Grupo de Atuação Especial de Defesa do Meio Ambiente (Gaema) do MP/SP.

 Thiago Magalhães e Gabriel Colle representarem o setor aeroagrícola no encontro

Colle fez a apresentação por parte do Sindag