Imprensa

MS teve dia de campo especial sobre aviação agrícola

/ /

O Dia Nacional da Aviação Agrícola e os 70 anos da primeira operação aeroagrícola no Brasil foram marcados por um dia de campo especial em Dourados, no Mato Grosso do Sul.  Com o tema Agrotóxicos – Boas Práticas e Responsabilidade, a movimentação ocorreu pela manhã, reuniu 130 pessoas e foi a primeira ação promovido pela Comissão de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos do Estado tendo o Sindag como integrante.

O dia de campo ocorreu no hangar da empresa Uniagro, no Aeroporto Regional de Dourados. O secretário-executivo do Sindag, Júnior Oliveira, fez a abertura do encontro e em seguida passou a palavra ao procurador da República Marco Antonio Delfino de Almeida, que coordena a Comissão. O promotor federal ressaltou a importância do evento, elogiando a proatividade do Sindag em promover a qualificação dos operadores e a aproximação com a sociedade.

BOAS PRÁTICAS

O evento teve ainda a fala do coordenador de Stewardship da Syngenta, Caio Alexandre Moreira, que falou sobre as políticas de boas práticas da empresa. O que foi a deixa para a palestra do professor Ulisses Antuniassi, da Unesp/Botucatu e coordenador do programa Certificação Aeroagrícola Sustentável (CAS), que foi o centro da programação. Antuniassi falou sobre técnicas de aplicação e segurança operacional e ambiental, além de ter abordado a tecnologia envolvida nas operações aéreas.

O professor também relacionou uma série de mitos e verdades sobre a aplicação aérea de defensivos – por exemplo, desmontando o mito (que foge a qualquer lógica) de que 99% do produto aplicado por avião se perde. Em seguida, levou o grupo para junto dos aviões, onde apresentou as partes de uma aeronave e mostrou todos os equipamentos, como barras, bicos, DGPS, etc.

SEMINÁRIO

O dia de campo envolveu operadores aeroagrícolas, pilotos, estudantes universitários, produtores rurais e contou com representantes da Federação da Agricultura e Pecuária do MS (Famasul), Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), CREA/MS, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS) e outras entidades que integram a comissão sobre os agrotóxicos – e que participaram de sua organização. A programação foi uma prévia do seminário marcado para o dia 22 de setembro. Também promovido pelo grupo, o próximo encontro abordará uso correto dos defensivos, cuidados no manuseio, legislação, e outros temas, tanto para aplicações terrestres quanto aéreas.

SINDAG NA ESTRADA

Terminada a programação da manhã, o grupo ainda participou de um almoço especial pelo Dia da Aviação Agrícola. À tarde, a movimentação foi com operadores, com um Sindag na Estrada especial. Além de expor as ações realizadas pelo sindicato aeroagrícola em Brasília, nos Estados e municípios, o secretário Júnior Oliveira também coordenou um debate sobre o cenário e demandas do setor no Mato Grosso do Sul. O grupo também alinhavou estratégias de ações no Estado, tanto na aproximação com a sociedade quanto nas relações governamentais e com entidades da sociedade civil.