Imprensa

Novas norte-americanas no Congresso da Aviação Agrícola

/ /

   O Congresso da Aviação Agrícola do Brasil contará com a participação de cinco novas empresas norte-americanas entre suas expositoras: Air Force Turbine Services, a Cascade Aircraft Conversions, GarrCo Products, Simplex Aero e a Transland. Com isso, mais do que dobrou a participação direta dos Estados Unidos no encontro aeroagrícola, em relação à edição do ano passado (ainda como congresso Sindag), ocorrida em Canela/RS. Além da Air Tractor, da Covington Aircraft (que na verdade agora colocou uma unidade no Brasil) e da Turbine Conversions (que está em seu segundo congresso no País).

   Segundo o diretor-executivo Gabriel Colle, além do respeito que o encontro aeroagrícola brasileiro vem conquistando no passar dos anos, a procura tem como causa também a ida, desde 2016, do Sindag à Convenção Anual da Associação Nacional de Aviação Agrícola dos Estados Unidos (NAAA, na sigla em inglês). Devido a um acordo entre as entidades brasileira e norte-americana, até 2020 cada uma tem participação garantida no evento da outra.

   O que, aliás, tem aumentado também a participação de emrpesas brasileiras na feira de lá, que ocorre sempre em dezembro. Reflexo, na verdade, da importância estratégica que o Brasil tem no mercado aeroagrícola internacional. O País possui a segunda e uma das melhores frotas de aviões agrícolas do planeta e agora a qualidade técnica de seus fornecedores também vem sendo cada vez mais reconhecida.

PROGRAMAÇÃO

   Por aqui, o Congresso da Aviação Agrícola vai ocorrer de 6 a 9 de agosto, em Maringá/PR. Entre as novidades, um dia a mais de movimentação, com as demonstrações práticas deslocadas para o primerio dia, que vai ocorrer no Aeródromo Recanto das Águias. Já os três dias restantes do evento serão nos 6 mil metros do pavilhão principal do Parque da Sociedade Rural de Maringá, próximo ao Centro da cidade.

   É ali que ocorrerão as palestras e debates em três auditórios, além da mostra de tecnologias e equipamentos com cerca de 100 estandes.   Vale lembrar que a entrada no Congresso – tanto na programação do primeiro dia no aeródromo quanto nos três dias de movimentação no pavilhão – será mediante inscrição. O que pode ser feito com antecedência  clicando AQUI.