Imprensa

Operações aéreas contra mosquito em Michigan, nos Estados Unidos

/ /

Como acontece já há 25 anos, a última semana foi de operações aéreas contra mosquitos no Estado norte-americano de Michigan. Seis aviões agrícolas contratados pela Comissão de Controle de Mosquitos do Condado de Saginaw fizeram a aplicação de bactericidas biológicos nas áreas úmidas da região. O trabalho ficou a cargo da empresa Al’s Aerial Spraying, da cidade de Ovid.

A operação está sendo feita contra o mosquito Anopheles, cujas larvas estão agora saindo da hibernação, com fim do inverno no Hemisfério Norte. Além de ser um incômodo para os moradores próximos de áreas úmidas e de mata nativa, o inseto é também um potencial transmissor de malária.

Os voos anti mosquito no Condado de Saginaw começaram no último dia 17 e se estenderiam até o início desta semana.

Operações aéreas contra mosquitos, para aplicação de bactericidas ou inseticidas, são rotina há mais de 50 anos nos Estados Unidos. O uso de aviões em cidades e no interior é aprovado e acompanhado pela Agência Nacional de Proteção Ambiental do país (EPA, na sigla em inglês) e pelo Centro de Controle de Doenças (CDC, ligado ao Departamento de Saúde). Esse tipo de operação se acentuou nos últimos anos devido principalmente ao medo do vírus zika e da dengue, transmitidas pelo Aedes aegypti, também largamente presente nos Estados Unidos.

Foto: Katy Kildee/MLive.com file

Clique AQUI para conferir a reportagem sobre as operações em Saginaw