Imprensa

Encontro sobre tecnologia aeroagrícola mobilizou mais de 80 engenheiros agrônomos em Cruz Alta

/ /

Palestra do consultor Henrique Borges Neves Campos no Noroeste gaúcho foi promovida pela Searca, com apoio do Sindag e de associadas

Doutor em Agronomia e um dos fundadores da Sabri – Sabedoria Agrícola, Campos abordou o tema Oportunidades da Tecnologia de Aplicação Aérea, na noite de segunda-feira (11), em Cruz Alta, no Noroeste gaúcho. O encontro foi promovido pela Sociedade dos Engenheiros Agrônomos da Região de Cruz Alta (Searca) e teve apoio do Sindag e das empresas DP Aviação, Destaque, Avante e KNA/Nativa Aviação Agrícola. A movimentação ocorre na sede do Sindicato Rural do município.

Campos destacou a importância e eficiência da aviação agrícola para o setor primário, além das vantagens econômicas e ações para aproveitar o potencial da tecnologia e garantir também a segurança operacional e ambiental no campo. Ele dividiu com o grupo informações baseadas nas experiências das chamadas clínicas de aviação agrícola e em dias de campo realizados no Brasil e no exterior, além de novidades sobre precisão e segurança nas operações.

FEEDBACK
Conforme o presidente da Searca, Maurício De Bortoli, a entidade tem cerca de 250 associados e mais de 80 pessoas assistiram à palestra, alguns tendo viajado mais de 100 quilômetros para o evento. “A vinda do Henrique foi bastante importante para nivelar o conhecimento de todos os profissionais sobre o tema, que é essencial para a agricultura. Principalmente por se tratar da região que mais utiliza aviação agrícola no Estado, tanto na soja quanto no milho”, ressaltou. “Trata-se de um especialista bastante capacitado, com muito conhecimento e que desenvolve a prática de avaliação das aeronaves a campo. E que veio falar sobre isso conosco: como utilizar e como tirar melhor rendimento da aeronave na lavoura, completou De Bortoli.

Para o palestrante da noite, “foi um evento muito bom, com muita gente de toda a região”. Além das diversas dúvidas esclarecidas durante o bate-papo com os agrônomos no evento, o consultor ressaltou que muitos questionamentos vieram depois, por mensagens. “Tivemos muita gente que acompanha nosso trabalho pelas redes sociais, o que confirma também a importância do trabalho de divulgação feito pelo Sindag”, contou. “Sentimos uma expectativa muito grande por parte do pessoal que participou. E acredito que conseguimos atendê-la.”

Apresentação abordou a importância, vantagens econômicas e como aproveitar o potencial da tecnologia aeroagrícola –  Fotos: Maurício De Bortoli