Imprensa

Pilotos agrícolas já podem aderir ao Fundo de Auxílio Mútuo do SNA

/ /

Iniciativa foi lançada para a categoria durante o Congresso AvAg 2019 e objetivo é garantir suporte financeiro em caso de afastamento temporário, permanente ou de morte

Lançado para o setor durante o Congresso da Aviação Agrícola do Brasil, ocorrido há menos de três semanas em Sertãozinho/SP, o Fundo de Auxílio Mútuo (FAM) do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) aos poucos começa a receber adesão dos pilotos agrícolas. Segundo o diretor do SNA Marcelo Ceriotti, o foco agora é buscar os profissionais que pilotam para as 253 empresas de aviação agrícola e 585 operadores privados existentes no País, para oferecer a novidade.

A iniciativa era uma necessidade antiga do setor, garantindo auxílio financeiro aos aeronautas em caso de afastamento temporário por doença, afastamento permanente por perda do Certificado Médico Aeronáutico (CMA) ou em caso de morte. “Os pilotos normalmente recorriam a planos de capitalização ou seguros de vida junto aos bancos. Mas nenhuma dessas opções garante cobertura total”, explica Ceriotti. Por exemplo, casos de perda de CMA, que não são cobertos por ninguém. “Daí, o piloto que, por exemplo, descobrisse aos 30 ou 40 anos uma doença que lhe impossibilitasse de continuar voando, ficaria sem apoio enquanto tentasse uma recolocação”, completa o diretor.

Ceriotti: foco é chegar aos pilotos que trabalham das 253 empresas aeroagrícolas e 585 operadores privados do país

Além dos trâmites institucionais de aprovação, criação e gestão, o FAM demorou a sair porque precisava de suporte de arrancada, até que suas próprias contribuições garantissem reservas para os casos de auxílio. Apoio por enquanto a cargo de outro fundo do SNA robusto o suficiente para garantir os primeiros passos da nova iniciativa, que já está crescendo. Pelas contas do sindicato, o FAM teve na arrancada cerca de 30 adesões entre os pilotos agrícolas, mas já contava com cerca 400 associados entre os demais pilotos e comissários.

“O pessoal de linha aérea é bastante numeroso, mas dividido entre menos empresas e mais fácil de acessar”, exemplifica Ceriotti. Já a turma agrícola é mais espalhada, mas o diretor garante que sindicato está indo atrás de todos para oferecer o novo serviço.

Quem quiser saber mais pode entrar em contato com a Central de Atendimento FAM nos seguintes canais:

Fone (11) 5090-5100

WhatsApp (11) 99959-5043 ou (11) 98687-0052

e-mail: fam@aeronautas.org.br

Enquanto isso, clique AQUI para conferir as tabelas de contribuições para cada categoria e faixa de rendimento

AQUI para acessar o regulamento do Fundo…

e AQUI para conferir as respostas para as dúvidas mais frequentes