Imprensa

Presidente da Federarroz critica caça às bruxas promovida contra a aviação agrícola e o agronegócio

/ /

“Se não fosse a aviação agrícola, a segurança alimentar do Brasil estaria em risco, principalmente o arroz irrigado do Rio Grande do Sul, responsável por 70% da produção do País.” A fala é do presidente da Federação das Associações de Arrozeiros do Estado, Henrique Dornelles, em um artigo publicado na edição de hoje do jornal Correio do Povo – o de maior circulação no RS.

Com o título Veneno falado e escrito, Dornelles faz um trocadilho sobre o quão nocivo são as seguidas declarações contra o setor por ditos “intelectuais” que na tentativa de ganhar holofotes o fazem demonizando de maneira leviana justamente um dos meios mais seguros de aplicação. “Existem dossiês que utilizam a imagem da aviação como se arma de extermínio fosse. No entanto essa permite a redução de princípio ativo pelo aproveitamento das condições meteorológicas e tempo”, assinala o texto, que também dispara contra a caça às bruxas promovida contra o agronegócio.

henrique-dornelles