Imprensa

Revista da Fearca de cara nova e com reportagens provocativas

/ /

A edição número 17 da revista da Federação Argentina de Câmaras Agroaéreas (Fearca) saiu da gráfica no final de março com novo layout e novo nome: agora chama-se Aviación Agrícola. E, além das duas páginas de assuntos do Sindag (segue a parceria com o setor aeroagrícola brasileiro), a edição trimestral traz diversas matérias interessantes e provocativas.

Por exemplo, a matéria sobre cultivos ecológicos, naturais, orgânicos e convencionais, nas páginas 14 a 19. A revista traça um paralelo que praticamente destrói conceitos como o que a lavoura orgânica não causa impactos ambientais, que produtos orgânicos são mais saudáveis do que os convencionais ou mesmo sobre a segurança dos chamados defensivos naturais – inclusive lembrando o caso doas 4 mil pessoas intoxicadas e 48 mortes ocorridas em 2011, em uma contaminação com pepinos orgânicos na Alemanha.

Outro tema presente na edição é o trabalho da Fearca contra os chamados operadores privados. O que inclui, de um lado, uma agenda positiva com a agência reguladora da aviação civil argentina (que lá também é Anac) para simplificar regras. E, de outro lado, uma ação conscientizando os operadores para a necessidade de adequarem à lei e exigindo fiscalização contra quem causa danos à imagem de todo o setor.

Além da participação do setor aeroagrícola argentino nos principais eventos agrícolas do País, para divulgar a aviação agrícola junto aos produtores e aproximá-la da sociedade.

BRASIL

Nas páginas do Sindag (34 e 35), uma das matérias é sobre os preparativos para o Congresso Sindag Mercosul e Latino-Americano 2017, em Canela/RS. O evento, que ocorrerá em agosto, está causando bastante expectativa na Serra Gaúcha, onde a cidade sede promete “se vestir” de aviação para receber os visitantes de todo o continente.

A outra reportagem é a cobertura da participação do sindicato aeroagrícola brasileiro na Abertura Oficial da Safra do Arroz, ocorrida em fevereiro, em Cachoeirinha/RS. Evento onde o Sindag pela primeira vez teve um estando (com mostra de aeronave) e foram consolidadas importantes parcerias com o setor produtivo – além de já ter sido acertada a participação na edição de 2018 do evento.

Clique AQUI para ler a versão digital da revista