Imprensa

STJ promove simpósio sobre o agro no dia 26

/ /

A segurança jurídica para as atividades agrícolas, tanto nos aspectos econômico e ambiental como na sanidade dos alimentos. Esse será o foco do debate O Agronegócio na Interpretação do STJ, que vai ocorrer no próximo dia 26, das 9 às 13 horas, no auditório externo do Supremo Tribunal de Justiça em Brasília. A promoção é do próprio STJ, em parceria com o Instituto Justiça & Cidadania.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas clicando AQUI

A notícia foi repercutida hoje pelo portal Agro em Dia (confira AQUI)

De acordo com os organizadores, o simpósio assinala o interesse crescente do Judiciário em debater e esclarecer aspectos relacionados ao setor. Isso considerando a geração de empregos e renda do agro, sua contribuição para o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil e o seu peso no saldo da balança comercial brasileira.

O evento terá a presença do presidente do STJ, ministro João Otávio de Noronha; do corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins; do embaixador da República Popular da China, Li Jinzhang; do presidente Ordem dos Advogados do Brasil, Claudio Lamachia, e do presidente da Comissão de Direito Agrário e Urbanismo do Instituto dos Advogados Brasileiros, Frederico Price Grechi.

A programão será dividida em três painéis:

O agronegócio brasileiro no cenário mundial (9 horas) – palestra do presidente do Instituto Pensar Agropecuária, Fábio Meirelles Filho. Coordenação: ministro Antônio Carlos Ferreira.

Arrendamento rural (10 horas) – discussão mediada pelo ministro Raul Araújo, com a presença do ministro Paulo de Tarso Sanseverino e da professora Giselda Hironaka, da Universidade de São Paulo (USP).

A recuperação judicial das empresas agrícolas (11h30) – Painel com o ministro Moura Ribeiro e o advogado Marcus Vinicius Furtado Coelho, coordenado pela ministra Nancy Andrighi.

O encerramento ficará por conta do ministro Luís Felipe Salomão.