Imprensa

Texas inicia pulverizações aéreas contra mosquitos após furação Harvey

/ /

 

O Departamento de Saúde do condado de Harris, estado norte-americano do Texas, em conjunto com a Força Aérea do país, iniciou nessa quinta-feira uma operação área de combate a mosquitos em uma área de 600 mil hectares em torno da cidade de Huston. A operação está a cargo do 910º Esquadrão de Transporte da Reserva, que utiliza aviões Hércules C-130 modificados para pulverização.

A operação ocorre devido às áreas encharcadas deixadas depois da passagem do furacão Harvey, no dia 30 de agosto. Segundo o diretor executivo da Saúde Pública do Condado, Umair A. Shah, o objetivo é prevenir uma explosão na proliferação de mosquitos, o que traria o risco de doenças à população.

O inseticida aplicado é o Dibrom, que é certificado pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA, na sigla em inglês). O produto é rotineiramente usado no país em pulverizações aéreas contra mosquitos e é considerado seguro para o meio ambiente.

As operações aéreas contra mosquitos nos Estados Unidos são comuns em áreas de desastres ambientais, justamente como prevenção. Ao contrário do Brasil, onde as operações (e só por terra) ocorrem apenas quando uma epidemia já tenha se instalado, os norte-americanos sempre se valem do princípio da prevenção, aliviando drasticamente o sistema de saúde.

Clique AQUI para ver a reportagem