Imprensa

Agrolink: série sobre avanço da dengue e espera por pesquisas para uso de aviões contra mosquitos

/ /

Reportagens abordam o crescimento da doença nos Estados, tendo como pano de fundo o aval do STF para estudos com a ferramenta aérea

O Agrolink – um dos principais portais de notícias sobre o agro do País – iniciou na última semana uma série de reportagens sobre os avanços da dengue pelos Estados, enquanto o setor aeroagrícola (e, consequentemente, governantes locais) seguem na expectativa por testes para o uso de aviões no combate ao mosquito Aedes aegypti. As reportagens se debruçam sobre dados dos casos de dengue nos principais municípios de cada Estado, comparando o crescimento dos casos entre os três primeiros meses deste ano e o mesmo período em 2018 e 2018, sempre com números surpreendentes.

As reportagens já abrangeram o cenário da dengue no Paraná, São Paulo e Mato Grosso. Elas também foram repercutidas em diversos portais locais, como o Portal Palotina e o Jornal Integração, do Paraná, e os portais mato-grossenses Sucesso no Campo, Jornal Preliminar e O Ruralito.

PESQUISAS
A série sobre o avanço da dengue conta com diversas informações repassadas pelo sindicato aeroagrícola. A iniciativa tem como pano de fundo a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), em setembro do ano passado, considerando legal a realização de pesquisas pelo Ministério da Saúde (com aval do Ministério do meio Ambiente) para incluir a aviação entre as ferramentas para o combate a vetores no País. Como ocorre nos Estados Unidos (desde os anos 40), México, Argentina e até em países da Europa e já ocorreu com sucesso no Brasil em 1975.

A decisão do STF colocou um ponto final em um processo movido desde 2016 pela Procuradoria Geral da República, que pedia a inconstitucionalidade da Lei 13.301/2016, que previu (mediante pesquisas) a ferramente aérea nas estratégias governamentais de combate à dengue, chikungunya e zika. Exatamente como o Sindag vinha sugerindo desde 2004 ao Ministério da Saúde.

Siga acompanhando no www.agrolink.com.br

[fbcomments]