18 de novembro de 2020

Estudantes e startups têm encontro marcado com o 2º Hackathon Senar/RS

Competição será em dezembro e distribuirá R$ 50 mil em prêmios para os melhores projetos voltados à gestão e segurança no campo

Com o encerramento, na última semana, das  inscrições para o o 2º Hackathon Senar/RS, o foco agora para startups e estudantes é se preparr para a competição a competição que integra a jornada HackatAgro 2020. O evento vai ocorrer de 4 a 6 de dezembro e a premiação é de R$ 50 mil: R$ 15 mil para o primeiro lugar, R$ 7 mil para o segundo e R$ 3 mil para o terceiro. Os participantes (em equipes de quatro a seis componentes) precisarão criar projetos relacionados à gestão e segurança no campo. São esperadas propostas viáveis para prevenir problemas como o abigeato ou para reduzir os custos de produção, por exemplo.

O regulamento pode ser conferido clicando AQUI.

Para cumprir os desafios, as equipes receberão mentoria de especialistas do Senar, produtores rurais, professores, consultores e parceiros do projeto. Os trabalhos serão apresentados a uma banca avaliadora, que vai julgá-los pelos critérios de Criatividade e Inovação, Qualidade Técnica, Viabilidade e Aplicabilidade. O evento neste ano foi concebido para ser virtual, em uma plataforma que vai concentrar as ações da competição. Os centros de tecnologia da Pontifícia Universidade Católica do Estado (PUC/RS) – TecnoPuc – e da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) – Agittec, disponibilizarão espaço para equipes que precisem de infraestrutura e de onde serão gerados conteúdos da evolução da batalha.

CONTEÚDOS

Além do 2º Hackathon Senar/RS, a jornada HackatAgro 2020 já gerou dezenas de conteúdos sobre a inovação no setor agrícola gaúcho, entre webinars, séries de vídeo e de áudio. O projeto é da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul) e a programação multiplataforma via web teve a largada em setembro. A iniciativa tem apoio institucional do Sindag e de diversas outras entidades do agro: Ufrgs/Zenit, UFSM/Aggitec, Pacto Alegre, Associação Brasileira de Marketing e Agronegócio e Associação Anjos do Brasil. Além do Sebrae/RS, Tecnosinos, TecnoPUC e Emater/RS.

O objetivo do HackatAgro 2020 é fazer com que os produtores rurais tenham acesso mais rapidamente a novas tecnologias e assim tirar proveito imediato de inovações. Ao mesmo tempo, promover novas soluções digitais para o agro, melhorando não só o trabalho em campo, mas também a gestão. Em última instância, aumentando a produtividade e garantindo sustentabilidade.

Comments

wonderful comments!