Fórum Científico e agenda 2020 do Sindag na revista argentina Aviación Agrícola

Publicação da federação aeroagrícola do país aborda também matérias sobre chuva artificial, segurança operacional, ações com a comunidade, comparativo com meios terrestres e vários outros assuntos

A chamada de pesquisas para o 2º Fórum Científico da Aviação Agrícola e a agenda do Sindag para este ano estão na edição 28 da revista Aviación Agrícola, da Federação Argentina de Câmaras Agroaereas (Fearca), publicada neste mês. No espaço (páginas 54 e 55) dedicado pela entidade argentina à coirmã brasileira, a revista fala sobre a iniciativa de do Sindag, em parceria com a Universidade de Cruz Alta (Unicruz), de premiar os melhores trabalhos acadêmicos que forem apresentados até julho. A tempo para serem avaliados e destacados no próximo Congresso da Aviação Agrícola do Brasil, em São Paulo – que, aliás, abrangerá também o congresso Mercosul e Latino-Americano de Aviação Agrícola.

O próprio Congresso é destaque também na página sobre as ações do Sindag para 2002. A lista inclui a realização da terceira Academia de Líderes da Aviação Agrícola e a preparação de um fórum sobre a legislação para o uso de drones nas lavouras no Brasil. Além visitas de diretores aos órgãos de imprensa por todo o País, a realização de dias de campo para formadores de opinião, autoridades e lideranças comunitárias, o lançamento de uma ferramenta de gestão para os associados e outras novidades.

A revista da Fearca conta com reportagens sobre uso de aviões para fazer chuva, comparativos entre pulverizações aéreas e terrestres, além de várias ações institucionais do setor no país vizinho, muitas vezes frente a situações enfrentadas também pelos operadores brasileiros. A lista de matérias da publicação tem ainda reportagens sobre a elaboração e uma nova legislação para fitossanitários, segurança operacional, eventos locais e histórias da aviação argentina.

Confira abaixo a versal digital da revista