Sindag e Ministério Público tiveram encontro no Tocantins

A diretora do Sindag Hoana Almeida Santos e os assessores jurídicos da entidade, Ricardo Vollbrecht e Mardioli Copetti, tiveram na última semana uma reunião com o promotor Francisco Brandes Júnior, da Promotoria de Justiça Regional Ambiental do Médio Araguaia. O encontro ocorreu no dia 10, na sede do Ministério Público de Tocantins (MP/TO) em Palmas. O objetivo do encontro foi levar aos promotores informações sobre a legislação e os critérios técnicos sobre a ferramenta, além das ações do boas práticas melhorias contínuas promovidas pelo Sindag.

A diretora também enfatizou que o sindicato aeroagrícola apoia a fiscalização do setor e se colocou à disposição para quaisquer esclarecimentos ou informações complementares que forem necessárias aos promotores. Ela ressaltou, no entanto, o esforço do setor para combater mitos em torno da atividade e para que eventuais situações de irregularidades (que precisam ser combatidas) sejam tratadas de forma genérica.

Nesse sentido, o Sindag tem mantido encontros com promotores e entidades reguladoras de todos os Estados. A aproximação visa ações rígidas contra irregularidades e clareza de todos os agentes sobre os requisitos da atividade. Ao mesmo tempo, internamente o esforço é para que os operadores mantenham usas atividades dentro das regras e qual qualificação constantes. Ações que, por exemplo, já resultaram no surgimento do Sistema de Documentação da Aviação Agrícola (Sisvag) e o programa Aviação Agrícola 100% legal.

Da dir p esq: Vollbrecht, Hoana e Mardioli conversaram com o promotor Brandes na sede do MP/TO Foto: Marcelo de Deus/MP