Sindag na Estrada chega a Rondônia

Videoconferência teve mais de 20 participantes, entre empresários, pilotos e outros profissionais do setor, além de agentes de órgãos reguladores 

Diversos profissionais do setor aeroagrícola – entre empresários, pilotos, agrônomos e técnicos, participaram, na qunta-feira (9) do primeiro encontro do projeto Sindag na Estrada em Rondônia. Como em todas reuniões nessa época de pandemia do novo coronavírus, o evento foi virtual, coordenado pelo secretário executivo do Sindag, Júnior Oliveira. A videoconferência ocorreu entre as 10 horas e meio-dia (hora local).

Segundo Oliveira, a reunião foi marcante não só por ser a primeira do gênero no Estado, mas para consolidar o esforço do sindicato aeroagrícola alcançar também os estados mais afastados no Norte do País com seus programas de melhoria contínua e qualificação da gestão das empresas. Além de projetos como o Aviação Agrícola 100% Legal e as ações de transparência e valorização do setor.

AGENDA POSITIVA

Também participaram o diretor-executivo do Sindag, Gabriel Colle, e os assessores jurídico, Ricardo Vollbrecht, e de documentação da entidade, Cléria Mossmann, entre outros. Além de representantes da Superintendência do Ministério da Agricultura no Estado e da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron). O sindicato aeroagrícola já havia buscado aproximação no final de março com o Idaron e com a Superintendência da Agricultura.

Na ocasião, Oliveira repassou (também por teleconferência) informações sobre a importância, tecnologias e abrangência das atividades aeroagrícolas no País. Além disso, ficou combinada a realização de um dia de campo sobre aviação agrícola para os agentes públicos em Rondônia, logo que se encerrarem as medidas de restrições da prevenção contra a Covid-19.

Mesmo pela web, reunião marcou o estreitamento das relações do sindicato aeroagrícola com os operadores do Norte do País

Comments

wonderful comments!